Secretária de Educação é afastada

Motivo é investigação de CPI sobre gastos da pasta no fim do ano passado.

A secretária de Educação (Semed), Andreia Dimas, está afastada temporariamente da pasta. O prefeito Gleidson Azevedo (PSC) decretou a decisão na tarde desta quarta-feira, 11. 

O motivo alegado é a tramitação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga gastos da secretaria no fim do ano passado. 

— Estou tranquila sobre a investigação, pois tenho a consciência tranquila do que cabe a Semed — afirmou ao Agora a secretária sobre a decisão.

O decreto ainda estabeleceu um período de cinco dias úteis para transição da gestão da respectiva pasta.

Comentários
×