Rodada decisiva do Brasileirão ainda terá muita coisa em jogo

Torcedores de Atlético e América terminam o ano festejando grandes participações no Brasileirão; América está bem perto da Libertadores

 

José Carlos de Oliveira

O Campeonato Brasileiro 2021, da Série A, chega ao seu fim nesta noite, com a disputa da última das 38 rodadas. Os mineiros terminam a temporada com muitos motivos para festejar, com o Atlético campeão, depois de 50 anos de jejum, e o América festejando, além da permanência na divisão principal do futebol brasileiro, uma classificação inédita para um torneio continental – a Copa Sul-americana já está garantida, mas pode chegar ainda à Libertadores. Depende apenas de si e uma vitória simples logo mais frente ao tricolor paulista já é o suficiente para garantir o Coelho no maior torneio do continente.

Das dez partidas da rodada, marcada para as 21h30, apenas o duelo entre o Sport e o Athletico Paranaense, que se enfrentam no Recife, em Pernambuco, não terá efeito nenhum para a classificação dos dois times, com os pernambucanos já rebaixados para a Série B e o Furacão garantido na próxima Libertadores por ser o atual campeão da Copa Sul-americana.

 

A briga de cada um

Em todas as outras partidas desta noite, tirando o duelo entre Sport x Athletico (PR), algo estará em disputa. Confira a seguir as chances de cada um na reta final do Brasileirão e o que estará em jogo em cada confronto. 

 

Grêmio x Atlético

Campeão, com duas rodadas de antecipação, o Galo mineiro mandará um time com muitos reservas a campo para o duelo em Porto Alegre, pois pensa unicamente na final da Copa do Brasil, contra o Furacão, que tem o primeiro jogo já no domingo, 12. Para se livrar do rebaixamento, o Grêmio precisa vencer e ainda torcer por derrotas de Bahia e Juventude. 

 

Juventude x Corinthians

Para se livrar do rebaixamento, o Juventude tem que vencer o time paulista nesta quinta e ainda torcer por um tropeço do Bahia ou uma derrota do Cuiabá. Caso empate, o Juventude ainda pode se livrar do rebaixamento se o Bahia perder em Fortaleza. O Corinthians depende de uma vitória simples para ficar em quarto lugar no campeonato. Se tropeçar, só será quarto caso o Fortaleza não vença. 

 

Fortaleza x Bahia

O Fortaleza já está garantido na fase de grupos da Copa Libertadores 2022 e, no máximo, pode terminar 2021 em quarto lugar, caso vença e o Corinthians tropece. O Bahia depende de uma vitória para fugir do rebaixamento. Se empatar, precisa torcer para o Juventude não derrotar o Corinthians na última rodada. Se o Bahia perder, só se livra da queda caso o Juventude também perca e o Grêmio não ganhe o jogo dele contra o Galo.

 

Santos x Cuiabá

O Peixe chega à última rodada livre do rebaixamento e com chances matemáticas, mesmo que remotas, de ir à Pré-Libertadores. Para isso, tem de vencer o Cuiabá e torcer por tropeços de América, Atlético-GO e Ceará. O Cuiabá ainda precisa de um ponto para se livrar do rebaixamento. Caso perca em Santos, terá que torcer para que o Bahia ou o Juventude não vençam na última rodada. Se tudo der errado, o Cuiabá terá sido o primeiro time na história dos pontos corridos, com 20 participantes, a ser rebaixado com 46 pontos conquistados.

 

Bragantino x Internacional

O Bragantino está virtualmente classificado para a Libertadores. Só fica fora se perder, Fluminense ganhar, América ganhar e Atlético-GO também vencer e ainda tirar um saldo de 13 gols em relação a ele. Uma vitória sobre o Inter garante a vaga direta na fase de grupos. Se empatar, o Bragantino terá de torcer por um improvável tropeço do Flu contra a Chape. O Inter tem chances remotas de Pré-Libertadores. Precisa ganhar em Bragança e ainda torcer por tropeços de América, Atlético-GO, Ceará e Santos.

 

Fluminense x Chapecoense

Se vencer, o tricolor carioca garante vaga na Pré-Libertadores. Se a vitória vier junto com um tropeço do Bragantino, o Flu irá direto para a fase de grupos. Se empatar contra a rebaixada Chape, o Flu ainda pode ir à Pré-Libertadores, mas dependerá de tropeços de dois destes times: América, Atlético-GO e Ceará. Caso perca, o Flu torcerá contra o Santos também, além dos três clubes citados acima. 

 

América x São Paulo

O Coelho depende de uma vitória simples para entrar na Pré-Libertadores. Pode até chegar à fase de grupos, caso, além da vitória, haja tropeço do Fluminense e derrota do Bragantino. Se houver empate, o América ainda irá à Pré-Libertadores, se Atlético-GO, Ceará, Santos e Inter não vencerem. O São Paulo, livre do rebaixamento, pode entrar também na Pré-Libertadores em caso de vitória sobre o América e desde que Atlético-GO, Ceará, Santos e Inter não vençam. Se o Atlético-GO empatar, aí o São Paulo precisa, em sua vitória sobre o América, fazer um gol a mais do que o time de Goiânia.

 

Atlético (GO) x Flamengo

O Flamengo se despede de uma temporada ruim, mas que acaba com o vice-campeonato brasileiro. O Atlético-GO ainda sonha com a Pré-Libertadores. Precisa vencer e torcer para que ou Fluminense ou América tropecem. É improvável, mas o time de Goiânia pode se classificar também em caso de empate ‒ aí precisaria que Ceará, Santos e Inter tropeçassem e que o São Paulo vencesse o América, mas sem fazer mais gols do que o Atlético-GO fizer contra o Flamengo.

 

Palmeiras x Ceará

O Palmeiras já deu férias ao elenco principal e acaba o campeonato em terceiro lugar, será só uma despedida da torcida. Já o Ceará pode ir à Pré-Libertadores. Para isso, tem de vencer no Allianz Parque e ainda torcer por tropeços de dois destes times: Fluminense, América ou Atlético-GO.

 

Sport x Athlético (PR)

O único jogo da rodada que não vale rigorosamente nada. O Sport já caiu, o Athlético já se livrou e estará na Libertadores (como campeão da Sul-Americana). O CAP mandará reservas ao Recife, pois ainda joga a final da Copa do Brasil contra o Atlético, em jogos marcados para o domingo, 12, e a quarta-feira, 15.

 

Comentários
×