Prefeitura de Divinópolis propõe reajuste salarial de 9,63% para servidores

Valor, se aprovado, começa a ser pago na folha salarial de fevereiro

Bruno Bueno

Os servidores municipais podem receber um reajuste salarial de 9,63%. O valor foi proposto pela Prefeitura de Divinópolis na manhã de hoje durante reunião com o Sindicato dos Trabalhadores Municipais (Sintram) e Sindicato dos Trabalhadores da Educação Municipal do Município de Divinópolis (Sintemmd).
  
— Sobre a recomposição salarial, a proposta apresentada pela Prefeitura foi o reajuste de 5% na folha salarial de fevereiro e outro reajuste de 4,63% na folha salarial de junho. Com este reajuste percentual, o valor total da folha de pagamento passará a ter um incremento mensal de 2.500.000,00, uma diferença anual de mais de 30 milhões com relação ao ano de 2021. O impacto em percentual orçamentário e financeiro será de aproximadamente 2,55% e 13,51% respectivamente — informou a Prefeitura em nota.
 
De acordo com a Prefeitura, o reajuste será pago em dois momentos devido à prorrogação de algumas receitas do município, como IPTU  e IPVA, que caírão nos cofres do Executivo mais tarde do que planejado.

Vale alimentação e triênio

Uma reinvidicação que também foi solicitada pelo Sintram diz respeito ao valor do vale alimentação. Segundo a Prefeitura, a proposta apresentada foi de um reajuste de 11%, com aplicação no próximo mês.

— Com este reajuste percentual, o valor total dispendido pela administração, para arcar com o benefício aos servidores passará de R$6.831.607,26 para R$7.590.698,70, uma diferença de R$759.091,44 com relação ao ano de 2021 — esclareceu.
 
O triênio, também chamado de progressão horizontal, passa a ser concedido semestralmente.

— Àqueles que tem direito ao benefício no primeiro semestre receberá na folha de pagamento de julho, e aqueles que tem direito ao benefício no segundo semestre receberá na folha de pagamento de janeiro — ressaltou.
 
Concurso público

O Sintram também havia pedido um novo concurso público, o que não foi atendido pela atual administração. Conforme o Executivo,  haverá prorrogação da vigência do concurso atual.

— Em razão disso, será dada continuidade às nomeações durante o corrente ano (de acordo com a demanda e análise financeira) e previsão de novo concurso para o ano de 2023. Lembrando que no ano de 2021 foram nomeados 114 servidores — informou.
 
O Sindicato responsável vai analisar as propostas.

 

Comentários
×