Pijama elegante

BLOCO DE MODA

 

Wagner Penna

 

Pijama elegante

Durante o período de isolamento social, em razão da expansão da covid-19, vários setores tiveram crescimento expressivo – principalmente aqueles que facilitavam a vida doméstica. Com todo mundo em casa, o resultado era lógico.

Na moda, este distanciamento social levou ao fortalecimento do estilo mais descontraído e mais confortável. Passou a se chamar comfy e acabou inspirando até marcas especializadas no assunto.

Passado o auge da pandemia, o estilo ficou e até saiu dos quartos e foi para as ruas. Traduzido em tecidos leves, decotes e detalhes lembrando lingerie e medidas mais largas (como os pijamas de dormir) saiu, sem traumas, para desfilar nos mais variados ambientes.

É uma boa notícia para o verão que se aproxima e que pede, exatamente, esse tipo de peça no guarda-roupa. Uma das estilistas mineiras que tem desenvolvido bem esse estilo é a Chris Gontijo, cuja coleção tem estampas bacanas (destaque para o “print” de bananeiras, bem tropical), além de tecidos bem leves e confortáveis.

Vale a pena conferir.



VAIVÉM

  •  O Sindinova promove, em São Paulo, entre os dias 17 e 19, o Nova Serrana Feira de Moda, em sua 4ª edição, com lançamentos para o inverno 2022. O local será o pavilhão do Anhembi. E o momento será o melhor possível: feira presencial e na mesma semana que acontece, também na capital paulista, a Couromoda Inverno 2022, no Center Norte.

 

  • O joalheiro Raymundo Vianna (que já foi presidente da Ajomig) está defendendo a ideia de que os designers do setor deveriam usar mais as pedras preciosas mineiras em suas peças. Além de mais bonitas que as resinas, diminuiria o custo das peças feitas com gemas importadas. Ele levou sua ideia para a Feira Internacional de Pedras Preciosas, que aconteceu neste mês em Teófilo Otoni. Um sucesso total – com presença de compradores de vários países. 

 

  • Bacanésima a marca Lobb, que o estilista Bruno Coelho lançou em Minas – depois de passar alguns anos no Rio. O forte são as estampas exclusivas, com colorido exuberante e peças bem amplas. Ele foi um dos expositores no Coletivo A.Criem, realizado em Beagá.

 

PONTO FINAL. 

Quase todo mundo já ouviu falar dos tais NFT, código de garantia para produtos que existem apenas virtualmente, mas que valem dinheiro de verdade. Pois, agora, até terrenos virtuais estão sendo vendidos. O mais recente negócio no assunto foi a venda de um terreno virtual, num mundo virtual mas com valor bem real de 2,4 milhões de dólares. E sabem qual foi o chamariz para as vendas? A moda. Isso mesmo. Quem vendeu disse que nessa terra virtual todos vão vestir modelos virtuais especialmente criados pelas grandes marcas (reais) de moda internacional. Objetivo do assunto: ganhar com investimentos. 

 

Foto/Divulgação

 

A moda de Chris Gontijo

Comentários
×