Pedregal apresenta novo reforço para o Rural

Com adiamento do campeonato para o ano que vem, clubes ganham mais tempo para se preparar

José Carlos de Oliveira

O Campeonato Rural de Divinópolis terá início apenas em janeiro, mas os clubes se movimentam nos bastidores para reforçar ainda mais seus elencos. A rodada de abertura da competição, a princípio, estava marcada para o último fim de semana, 18 de dezembro. Isso deveria ocorrer para atender ao dispositivo da emenda parlamentar do deputado Domingos Sávio (PSDB), que conseguiu a verba para ajudar na realização do torneio, mas com o torneio tendo que começar ainda este ano. 

Agora, as partes entraram num acordo e foi possível a mudança da rodada de abertura para o início do ano que vem. Representantes de clubes e a diretoria da Secretaria Municipal de Esportes e Juventude (Semej) entraram em consenso e definiram o começo do Campeonato Rural para o sábado, dia 15 de janeiro.

 

Novas contratações

Com a rodada de abertura remarcada para janeiro, os clubes ganharam um maior prazo para fechar suas listas de jogadores para a disputa do torneio. O que se viu nos últimos dias foi uma intensa movimentação nos bastidores, com todos os times, sem exceção, correndo atrás de novos nomes para reforçar seus elencos.

 

Negão vai defender o Pedregal 

O representante do Pedregal, simpático time de Santo Antônio dos Campos (Ermida), Isaac Silva, não deixou por menos e também foi atrás de novos jogadores para fortalecer ainda mais sua equipe. O nome da vez é o atacante Elian (Negão) Ozéias Zacarias Miguel, de apenas 21 anos, que defendeu o Milan na disputa do Copão do Ferroviário, em 2019, e foi campeão da Taça Carlos Panhoto, defendendo a camisa do Ferroviário Atlético Clube.

 

Campeonato

O campeonato rural de 2021 será disputado por 14 equipes, divididas em dois grupos, com sete times cada. Na chave A ficaram as equipes de Amadeu Lacerda, Pedregal (Ermida), Córrego Falso, Cacoco de Baixo, Cacoco de Cima, Lava-Pés e Quilombo 2. A chave B é formada pelos times dos Branquinhos, Costas, Primavera (Ermida), Quilombo 1, Lopes, Choro e Buritis.

Na primeira fase, classificatória, as equipes se enfrentam dentro de seus respectivos grupos, em turno e returno, passando às quartas de final as quatro melhores de cada grupo.

A partir da segunda fase os duelos serão eliminatórios, em jogos de ida e volta, sem vantagem para nenhuma equipe ‒ isso se repete até o confronto final entre os dois melhores do torneio. Ficou definido ainda que nenhum time carrega os resultados de fases anteriores, não havendo, portanto, vantagens para nenhum dos lados nos duelos das quartas, semifinais e na grande final.

Com o início do torneio marcado apenas para o ano que vem, foram inseridas pequenas alterações no regulamento. Agora, nas quartas e semifinais, os times que tiverem a melhor campanha terão o direito ao mando de campo da segunda partida do mata-mata.

Já para os dois duelos da grande final, haverá sorteio na Secretaria Municipal de Esportes e Juventude (Semej), para se conhecer qual será a ordem dos dois duelos decisivos. O diretor da Semej ainda busca convencer os times a fazerem os dois duelos decisivos no estádio Waldemar Teixeira de Faria, campo do Guarani, no bairro Porto Velho, mas tem encontrado resistência por parte dos representantes das equipes.

 

Rodada de abertura

Com a nova data, o Campeonato Rural será aberto na semana de 15 e 16 de janeiro, com uma partida no sábado, 15, e os outros jogos no domingo, 16. O duelo que abre a competição será entre os times das comunidades rurais de Córrego Falso e de Lava-Pés, começando às 15h30.

Comentários
×