Operação carnaval tem duas mortes e diversos veículos apreendidos

Mais de cinco mil testes de bafômetro foram realizados nas rodovias mineiras

 

Da Redação

Terminou na noite de ontem a “Operação Carnaval”, realizada pela Polícia Militar Rodoviária (PMRv). Deflagrada todos os anos, a ação tem o objetivo de prevenir e diminuir os acidentes nas rodovias, frequentes neste período.

Em Divinópolis e região, a operação, que teve início na última sexta, 25, contou com a fiscalização de aproximadamente 3.000 km de rodovias estaduais e federais, sob a responsabilidade da 7ª Companhia da PMRv. No entanto, até o fechamento desta matéria, por volta das 18h de ontem, a ação não havia se encerrado. Por isso, todos os números não estão na reportagem, mas o Agora conseguiu confirmar com a companhia a morte de duas pessoas nas rodovias da região.  

 

Operação

Segundo o comandante da companhia, major Douglas Guimarães Lima, a operação contou com reforços para que toda a área fosse fiscalizada.

— Houve reforço do efetivo com emprego do pessoal administrativo, em operações blitz itinerantes, blitz fixas, operações lei seca, batidas policiais e fiscalizações de trânsito diversas — informou.

Trechos mais propensos a acidentes receberam uma atenção maior, como a MG-050, km 85, em Itaúna, e trechos de obras no entorno de Divinópolis e a MG- 050, km 121, no bairro Vila Romana, devido às conversões proibidas no local.

— O mais perigoso na área de nossa companhia é a extensão não duplicada da 050, em razão do aumento do fluxo de veículos — disse.

 

Resultados

O comandante confirmou que, até a tarde de ontem, duas mortes haviam sido registradas. 

A concessionária AB Nascentes das Gerais, responsável pela MG-050, divulgou os resultados dos primeiros cinco dias de operação, de sexta-feira, 25, a terça-feira, 1º.

Conforme as informações, cerca de 219 mil veículos passaram pela via, entre Juatuba, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e São Sebastião do Paraíso, na divisa de Minas Gerais e São Paulo, região Sudoeste de Minas.

Houve uma redução de 25% no número de acidentes, segundo a concessionária, em comparação com o ano passado, e nenhuma morte registrada. Além disso, a Nascentes realizou 301 atendimentos a usuários da rodovia, sendo 140 deles para remoção de veículos que apresentaram problemas mecânicos na MG-050.

 

Minas Gerais

Segundo balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), durante os primeiros três dias da operação, 121 motoristas foram autuados por ingestão de bebida alcoólica enquanto dirigiam. Cinco mil testes de bafômetro foram realizados nas rodovias que cortam todo o estado.

Além disso, mais de 12 mil pessoas e cerca de dez mil veículos foram fiscalizados, em três dias de operação.

 

2021

No ano passado, 353 pessoas tiveram suas carteiras de habilitação recolhidas, mais de 12 mil autuações de trânsito foram lavradas, mais de 1.100 veículos foram removidos e 20 recuperados. 

Sete mil pessoas se submeteram aos testes de bafômetro – 132 foram presas por embriaguez ao volante. Além disso, 100 ocorrências de consumo de drogas no trânsito foram registradas, e 11 pessoas presas por tráfico de entorpecentes. 

 

Comentários
×