Ocupação das UTIs por covid-19 volta a subir

Mais uma morte é confirmada; Saúde alerta para alto número de pessoas com doses em atraso

 

Da Redação

Apenas dez leitos de UTIs disponíveis para pacientes com covid-19. Essa era a realidade de Divinópolis com base nos dados divulgados ontem pela Secretaria de Saúde (Semusa). Dos 41 leitos exclusivos para coronavírus, 31 estavam ocupados (75,6%). No setor de enfermaria, a taxa é levemente inferior, de 60,5%, com 43 de 71 leitos ocupados.

Confira a situação de cada hospital:

Complexo de Saúde São João de Deus (área SUS): 9 adultos e 4 crianças;

Hospital Santa Mônica: 7 casos;

Hospital São Judas Tadeu: 4 casos;

Hospital Santa Lúcia: 4 casos.

Ainda segundo o comunicado, foi necessária a abertura de quatro leitos extras no Santa Mônica para atender a atual demanda.

 

Morte

A Prefeitura também informou, na tarde de ontem, a morte de mais um morador por covid-19: um homem, de 91 anos, portador de doença cardiovascular crônica, hipertensão e pneumopatia crônica, nesta terça-feira,  8.

Com isso, a cidade chegou a 686 óbitos de residentes desde o início da pandemia.

 

Vacinação

Divinópolis segue com alto número de moradores com dose da covid-19 em atraso. Em nova atualização, a Prefeitura citou que 12.205 cidadãos faltaram à data prevista para aplicação da segunda dose. Outro número que preocupa é o de pessoas que já podem receber a dose de reforço, mas ainda não procuraram uma unidade de saúde.

— A cidade tem, ainda, 30.591 pessoas que já cumpriram o prazo de 120 dias da segunda dose e já deveriam ter procurado a unidade de saúde para receber a dose de reforço — detalhou. 

Ou seja, 42.796 doses a mais já poderiam ter sido aplicadas no município.

O cronograma de vacinação é atualizado diariamente e está disponível no link https://bityli.com/EjqBlOc. Nele constam informações sobre os critérios para a vacinação, datas, horários, imunizantes disponíveis e quais as unidades de saúde que o oferecem. 

— A Prefeitura lembra a todos que não há mais a necessidade de agendamento e a vacinação acontece das 8h às 16h em diversas unidades de saúde — orienta. 

O vacinômetro local, atualizado pela última vez em 25 de janeiro, aponta 428 mil doses aplicadas, sendo  186 mil da 1ª, 175 mil da 2ª e 6 mil doses únicas. Além disso, mais de 60 mil doses de reforço também já estão nos braços dos divinopolitanos.

Comentários
×