Minas Gerais: desobrigação do uso de máscara segue sem data

"Ainda é cedo", afirma secretário

Matheus Augusto

Minas Gerais não tem previsão para retirar a obrigatoriedade do uso de máscaras. A afirmação foi feita na manhã desta quinta-feira pelo secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), Fábio Baccheretti. 

— Ainda é cedo para abandonar as medidas não farmacológicas — disse, citando o uso de máscara, bem como o distanciamento social e a higienização das mãos.

O secretário disse que há uma ansiedade e uma expectativa natural da desobrigação do uso da máscara, mas o momento ainda não é de abandonar os cuidados preventivos contra a covid-19.

— Estamos caindo do pico, mas ainda não estamos lá embaixo. Temos muitos vírus circulando — explicou.

Por fim, Baccheretti afirmou que não há data para avaliar a revogação da medida estabelecida desde o início da pandemia.

— O estado de Minas não está pensando nisso agora. Ainda é cedo. Vamos passar algum tempo usando máscara. Vejo como precoce a retirada de máscara no momento — encerrou.

Comentários
×