Instituição que administra Vila Vicentina apresenta defesa contra requisição da Prefeitura

Executivo concedeu prazo de 10 dias para assumir gestão do espaço

Da Redação

A instituição Obras Assistenciais São Vicente de Paulo apresentou na última sexta-feira a defesa em relação à requisição administrativa realizada pela Prefeitura sobre a Vila Vicentina.

O Executivo deu o prazo de 10 dias para assumir a gestão do espaço devido a irregularidades encontradas no local.  Após o recebimento da defesa por parte da instituição, o Procurador do Município notificou a Vigilância Sanitária para que fizesse uma vistoria no local, com intuito de verificar o cumprimento dos itens. 

— A referida vistoria foi realizada em caráter emergencial, no domingo (3/7). A Prefeitura Municipal de Divinópolis aguarda o relatório final da inspeção realizada pela Vigilância Sanitária — informou o Executivo em nota.

Foi convocada uma reunião emergencial com a comissão de acompanhamento da Vila Vicentina.

— Esta Comissão é composta por: presidente da Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores, presidente da Comissão do Idoso da Câmara de Vereadores, representante do Conselho Municipal do Idoso, representante do Conselho Municipal de Saúde, representante da Secretaria Municipal de Saúde, representante da Secretaria Municipal de Assistência Social e representante da Secretaria Municipal de Governo — explica.

Comentários
×