Heineken vai reduzir lista de cidades para sediar fábrica nos próximos 15 dias, diz secretário

Mais de 210 municípios se candidataram, incluindo Divinópolis e outras vizinhas do Centro-Oeste

Da Redação

A lista de municiípios que podem sediar a nova fábrica da Heineken vai ser reduzida. É o que afirma o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, que, na ultima sexta, informou que a empresa deve anunciar as cidades classificadas para a "reta final" nos próximos 15 dias.

Ainda segundo o secretário, mais de 210 cidades mineiras entraram na disputa para abrigar a nova fábrica da Heineken. 

Entenda

A empresa desistiu de instalar uma unidade de produção em Pedro Leopoldo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, no fim do ano passado. A decisão deve ser anunciada até o final de fevereiro. O invesitmento previsto é de R$ 1,8 bilhão. A produção será de 760 milhões de litros por ano, sendo responsável pelo atendimento a toda região Suedeste.

Até o fim de fevereiro, a Heineken deverá anunciar o local escolhido em Minas Gerais para receber a nova fábrica, que terá investimentos de R$ 1,8 bilhão,  com uma produção prevista de 760 milhões de litros por ano, com capacidade para atender toda a região Sudeste.
 
Centro-Oeste
 
Entusiasmados com a possibilidade de receber a Heineken, às Prefeituras de Divinópolis, Itaúna, Santo Antônio do Monte e Formiga se candidataram e aguardam ansiosamente pelo resultado.
 
 
Comentários
×