Gerente educacional confirma indicação de compra de brinquedos milionários

"É muito importante entender que ele é muito mais que um brinquedo", disse em depoimento

Da Redação

A gerente de políticas educacionais da Prefeitura de Divinópolis, Ana Paula Cândida, confirmou, nesta terça-feira, 7, que indicou a compra do brinquedo "Play Balls Quádruplo", avaliado em quase R$ 10 mil. Ana Paula fez a confirmação em depoimento aos vereadores em mais uma etapa de oitivas da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Educação, instaurada pelo Legislativo.

O vereador Ademir Silva (MDB) questionou se Ana Paula indicou a compra milionária e se sabia do valor dobrinquedo. A resposta da gerente foi afirmativa.

-Sim. Eu indiquei esse recurso pedagógico. É muito importante entender que ele é muito mais que um brinquedo. Eu sabia (preço). No catálogo trazia - afirmou Ana Paula.

 A servidora defendeu a compra dos equipamentos e disse que são de extrema importância para evolução dos alunos.

- Quando fazermos a indicação dos itens são valorativos na pratica pedagógica. Os preços fazem parte de um processo que não faz parte da equipe pedagógica. Estamos ali para identificar que nossas escolas precisam. Somos uma equipe de campo e naquele momento existia uma indicação para investimentos em áreas externas - explicou a servidora, acreditando que o aluno precisa ter o melhor equipamento para o melhor desenvolvimento escolar.

CPI

A CPI foi instalada após denúncias do vereador Ademir Silva (MDB) de irregularidades nos preços de produtos como notebooks, brinquedos e mobiliários para as escolas municipais.

Os equipamentos adquiridos pela Prefeitura de Divinópolis têm valores até 800% acima do praticado pelo mercado, apontaram os documentos da denúncia. O brinquedo "play balls quádruplo", que é uma espécie de cesta de basquete com quatro saídas custou em média R$ 10 mil cada. Ao todo, foram quase 130 unidades adquiridas pela Prefeitura.

Os valores foram registrados nas atas de preço do Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba (CISPAR). As compras foram realizadas em licitações compartilhadas entre as prefeituras e outros serviços de cooperação.

Comentários
×