Exposição Estação de Memórias é inaugurada em Divinópolis

Da Redação

Foi inaugurada ontem em Divinópolis, a  “Estação de Memórias”, com o objetivo de preservar a memória ferroviária, que faz parte do patrimônio material e imaterial dos municípios. A exposição é uma parceria entre a  Prefeitura de Divinópolis e a VLI, administradora da Ferrovia Centro-Atlântica, FCA.

O espaço conta com diversos conteúdos de textos descritivos, objetos cenográficos e fotografias a respeito da história da ferrovia na cidade. Além de 35 objetos históricos em exposição, personagens anfitriões interativos e oito pílulas de vídeo produzidas com ferroviários locais.

A solenidade foi realizada na Estação Ferroviária, iniciada através de uma apresentação cultural da Escola Municipal de Música Maestro Ivan Silva, pela diretora Maria Tereza Mimoso, seguida por uma série de citações poéticas feitas pelo grupo Arteferia.

Posteriormente, o secretário de Cultura de Divinópolis, Diniz Borges, deu seguimento a abertura agradecendo a todos que trabalharam para essa realização, e exaltou o comprometimento da gestão, quanto da VLI em cuidar e expor o patrimônio histórico. 

Ari Alvarenga, ferroviário divinopolitano, destacou sobre a felicidade e o orgulho da profissão e de estar presente no evento. — O meu maior orgulho é afirmar que fui e ainda me considero ferroviário. Estou muito alegre de estar nesse evento junto de pessoas que também amam as ferrovias e admiram as locomotivas. Hoje é um dia que vai ficar guardado na minha lembrança — disse. Por fim, foi realizado o desenlace da fita e a Inauguração oficial da Estação de Memórias de Divinópolis. O restante do dia seguiu com as apresentações da banda Rizoma.

Comentários
×