Edsom Sousa deixa Cidadania após partido se aliar ao PSDB

Ainda sem destino certo, vereador conversa com PV, apontam fontes.

Da Redação

O vereador Edsom Sousa está fora do Cidadania. O parlamentar, líder do Executivo na Câmara, solicitou a desfiliação por justa causa com base na Legislação Federal, que permite agentes políticos deixarem um partido caso haja "mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário." Edsom citou, em seu pedido, discordar da recente aprovação da federação entre Cidadania e PSDB. A solicitação do vereador foi acatada pelo presidente estadual da legenda, João Vítor Xavier, "uma uma vez que a referida federação inviabiliza a manutenção dos compromissos que foram assumidos nas eleições de 2020".

Fontes ouvidas pela Agora apontam que o edil já conversa com a direção municipal do Partido Verde (PV), que conta com dois representantes na atual legislatura.

Federações

As federações são uma das novidades para esta eleição. Ao contrário das coligações, que têm alcance estadual, as federações têm abrangência nacional. Além disso, as federações têm natureza permanente — são formadas por partidos que têm afinidade programática e duram pelo menos os quatro anos do mandato. Se algum partido deixar a federação antes desse prazo, sofre punições, tais como a proibição de utilização dos recursos do Fundo Partidário pelo período remanescente.

Comentários
×