Divinopolitano precisou trabalhar 31 horas a mais para comprar alimentos

Tempo médio necessário para adquirir os produtos da cesta básica foi de 104 horas

 

Pablo Santos

Em quatro anos, o divinopolitano precisou de uma jornada de trabalho bem maior para comprar os itens básicos de alimentação. O tempo de serviço aumentou em 31 horas para adquirir alimentos básicos nos supermercados de Divinópolis. O preço do conjunto de alimentos cresceu 81% nos estabelecimentos da cidade desde 2018.   

Com base no valor médio da cesta básica em maio de 2022, o tempo médio necessário do divinopolitano para adquirir os produtos da cesta básica foi de 104 horas e 57 minutos. No mesmo período de 2007, foram 73 horas e 48 minutos, um acréscimo de 31 horas, de acordo com os dados fornecidos pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômico-Sociais (Nepes) da Una e o antigo Núcleo de Pesquisas Econômicas (Nupec). 

Em Belo Horizonte, é necessário trabalhar mais para comprar os itens básicos da alimentação. De acordo com o Dieese, quem mora na capital mineira precisou trabalhar 118 horas e 33 minutos em maio para comprar a cesta básica no valor de R$ 653,12.

Já em São Paulo foram 141 horas e 13 minutos para comprar a cesta básica custando R$ 777,93. 

 

2018

O preço da cesta básica em 2018 em Divinópolis estava cotado a R$ 318,65. Os mesmos itens, no mês passado, estão cotados a R$ 578,19, ou seja, alta de 81% em quatro anos. Na comparação do valor da cesta em 12 meses, ou seja, entre maio de 2022 e maio de 2021, houve uma variação positiva de 32%. 

Para o trabalhador remunerado pelo piso nacional, R$ 1.212,00, o custo da cesta básica em maio foi equivalente a 48% do salário mínimo bruto. Em maio de 2021, quando o salário mínimo era de R$ 1.100,00, o percentual ficou em 40% ao comparar com o salário mínimo líquido.

 

Supermercados

A pesquisa foi realizada entre os dias 23 e 28 de maio desde ano com o levantamento de preços em seis supermercados de Divinópolis. De acordo com os pesquisadores, os estabelecimentos possuem açougue, padaria e hortifruti. A cesta básica de alimentos é composta por 13 produtos alimentícios.

 

Coment√°rios
×