Divinópolis retira obrigatoriedade de distanciamento nas escolas

Aferição de temperatura também não consta mais no novo protocolo

Da Redação

A Prefeitura de Divinópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) – Diretoria de Vigilância em Saúde, divulgou uma nova atualização do protocolo para realização das aulas presenciais, válido para escolas públicas e privadas, de ensino regular para educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e graduação, do município.
 
De acordo com o documento, não será mais obrigatória a aferição de temperatura e nem o distanciamento. A decisão é baseada no avanço da cobertura vacinal no município e a queda acentuada nos índices de ocupação hospitalar. Entretanto, permanece a recomendação geral de evitar contato próximo e aglomerações no ambiente escolar. Uso de máscaras e álcool em gel frequentemente permanecem obrigatórios.
 
O documento recomenda que os ventiladores de teto devem sempre funcionar na função de exaustão (com fluxo de ar para o teto da sala), sendo imprescindível a limpeza periódica dos ventiladores. É recomendado também que seja evitado o uso de ar-condicionado/climatizadores.
 
Preferencialmente, os alunos não devem mudar de sala de aula durante o dia.

— É o professor que deverá se deslocar até a sala de aula, exceto nas atividades em salas de aulas práticas, como química, física, biologia e educação física — fiz o protocolo. Também é recomendada a limpeza de todas as salas de aula após o término de cada turno.

Comentários
×