Delírios

Delírios

O delírio é um estado de alteração mental que pode fazer com que um determinado indivíduo apresente uma visão distorcida da realidade, sendo que isso pode ser demonstrado de diferentes formas, por meio de uma confusão mental, de uma redução da consciência e até mesmo de alucinações. O assunto é muito mais sério do que se imagina e atinge muito mais gente do que se consegue mensurar. Infelizmente, o que mais tem se visto são pessoas delirando, transformando crenças erradas e as mantendo com grande convicção. O quadro piora ainda mais com o uso das redes sociais, que nada mais são do que um espaço aberto no qual qualquer pessoa pode se manifestar sobre qualquer assunto e, assim, “provocar” o que chamam agora de “delírio coletivo”. Além de ser um problema de saúde grave, a ser tratado por médicos especialistas no assunto. Já o delírio coletivo, algo que a sociedade tem vivido e presenciado de forma cada vez mais intensa deve, sem sombra de dúvidas, servir como alerta sobre os caminhos que a humanidade vem trilhando. 

É impossível falar sobre delírio coletivo e sobre redes sociais sem citar Umberto Eco, quando ele diz: “as redes sociais deram voz a uma legião de imbecis, antes restrita a um bar, depois de uma taça de vinho, sem prejudicar a coletividade”. O filósofo e escritor foi certeiro em sua fala, pois se tem algo que pode-se afirmar de olhos fechados é que a humanidade definitivamente não estava pronta para o “boom” da internet, muito menos das redes sociais. Sim! Ninguém estava preparado, pois ainda não é possível sequer mensurar e muito menos prever os males que esse “delírio coletivo” causou, vem causando e causará na sociedade. Ainda não se sabe se esse “estado” em que parte da sociedade se encontra, de manter crenças erradas com grande convicção, tem cura. Ainda não se sabe os danos que esse “estado” causa. A única coisa que se tem certeza é que esses males ecoarão pela eternidade e que nada, mas absolutamente nada fica impune.

Se você parar agora, neste exato momento, e olhar para o lado verá que a conta do “delírio coletivo” dos últimos anos trouxe consequências gravíssimas para todos. Hoje, todos colhem aquilo que foi plantado por fake news, pelo fato de vários indivíduos terem apresentado uma visão distorcida da realidade e acreditado piamente em crenças que não lhes pertenciam. E, apesar de esse quadro ter se tornado “rotina” na sociedade atualmente, em épocas de eleições ele tende a se agravar. É como já foi dito antes, no jogo pelo poder vale tudo, até mesmo aproveitar as limitações intelectuais de um ser humano. Criar situações que não existem, distorcer fatos, causar confusão mental. Tudo é válido nesse jogo, que só tem um ganhador. O delírio coletivo traz danos, e muitos chegam a ser irreparáveis. E é justamente aqui, nesse ponto, em que mais e mais pessoas estão distorcendo a realidade e vivendo em crenças erradas, que é mais do que necessário que todos deem “uma segurada”. Afinal, como sonhar com um país livre, um país desenvolvido, se boa parte da população está presa em uma visão distorcida da realidade?

 

Coment√°rios
×