Cortejo homenageia policial civil morto em acidente

Com sirenes ligadas viaturas passaram por várias ruas da cidade em direção a cemitério

Da Redação

Um cortejo com diversas viaturas passou por diversas ruas da cidade na manhã desta segunda-feira, 9, em direção ao Parque da Serra, onde o investigador da Polícia Civil, Felipe Dias Corgozinho, 36 anos, foi velado e será enterrado daqui a pouco. Ele e um amigo perderam a vida em um violento acidente de trânsito na manhã deste domingo, no km 108 na MG-050, próximo à balança, trecho que pertence a Carmo do Cajuru. Três pessoas ocupantes do outro veículo ficaram feridas.

Conforme informações da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) Toyota/Hilux trafegava sentido Divinópolis a Itaúna e o VW/Gol, conduzido pelo policial, sentido contrário, momento em que este rodou e invadiu a contramão de direção, sendo atingido pela Hilux. Felipe e o passageiro de 26 anos, foram projetados para fora do veículo e morreram no local.

Nota

O comando da Polícia Civil divulgou na tarde deste domingo uma nota de pesar lamentado a morte do policial.

“É com grande pesar que a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), comunica o falecimento nesta manhã 08-05 do investigador de polícia, Felipe Dias Corgozinho, lotado na Delegacia de Polícia Civil em Divinópolis. Aos familiares, colegas e amigos da Polícia Civil, os nosso mais sinceros sentimentos da irreparável perda”, diz a nota.

O texto é assinado pelo chefe da PC no Estado, Joaquim Francisco Neto e Silva.

Comentários
×