Conta de luz ficará 10% mais barata em Minas, confirma Cemig

A redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) da energia elétrica poderá ter queda de 10% na conta de luz dos mineiros.

O valor do desconto na conta dos consumidores da Cemig seria ainda maior (de 15,7%), mas, na semana passada a Aneel autorizou um reajuste de 5,22%. Dessa forma, a queda será de 10%.

- A Cemig informa que a alteração da alíquota do ICMS na conta de energia residencial da Cemig passou de 30% para 18%. Uma vez que a Aneel anunciou no mês passado um reajuste de 5,22% aos clientes residenciais, o efeito conjunto destas duas mudanças será de uma redução de aproximadamente 10% na conta de energia - informou a Cemig.

Um consumidor que paga em média R$ 100, deve ter um desconto de R$ 10 na próxima conta de luz.

A redução do ICMS para energia elétrica passou a valer em Minas a partir desta sexta-feira, 1º, após decreto do governador Romeu Zema (Novo). Em Minas, o imposto que era de 30% sobre energia elétrica, passa a ser de 18%.

O projeto foi sancionado no final do mês passado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), após ser aprovado pelo Congresso Nacional. A medida cria um teto para o ICMS cobrado sobre combustíveis, telecomunicações e energia elétrica.

Comentários
×