Com dois gols de Mbappé e um de Giroud, França bate Polônia e avança na disputa

Da Redação

Com o brilho de sua principal estrela, o atacante Mbappé, autor de dois gols, a França venceu a Polônia por 3 a 1 neste domingo (4), confirmou vaga nas quartas de final da Copa do Catar e mostrou que o favoritismo ao título é mais do que merecido. Mbappé (duas vezes) e Giroud fizeram os gols dos Blues. Agora a equipe aguarda a definição do adversário, que sai do confronto desta tarde entre Inglaterra e Senegal.

A França começou o jogo pressionando. Varane, de cabeça, após cobrança de falta, teve uma boa chance logo aos 2 minutos, mas a bola foi pra fora. Dois minutos depois, em escanteio, foi a vez de Griezmann quase abrir o placar, também de cabeça, mas a bola subiu um pouco.

Com proposta de jogo bem definida, a França fazia o possível para deixar espaço para Mbappè, sua principal estrela. Tchouameni, Dembélé e Griezmann tratavam de rodar a bola para abrir a defesa polonesa.

E nas vezes em que Mbappè era acionado, geralmente levava a melhor sobre seu primeiro marcador. Em uma dessas jogadas, aos 10 minutos, o craque achou Dembélé, que bateu cruzado para abrir o placar, mas Bereszynski conseguiu chegar a tempo para colocar para escanteio.

Em outros momentos, quem salvava a Polônia era o goleiro Szczesny, com outra grande atuação, assim como já havia feito diante da Argentina. As primeiras grandes intervenções foram em finalizações de Tchouameni e Dembélé.

Na posição de 'franco atirador' no confronto, a Polônia não se furtou a colocar cinco homens atrás da linha da bola. Mas, aos poucos, foi se soltando também na partida. E passou a incomodar o gol de Lloris.

Lewandowski, que estava sumido no jogo, quase deixou sua marca aos 21 minutos. Após chutão pra frente de Szczesny, o atacante ganhou na dividida e chutou forte, rente a trave.

Apesar destas chegadas polonesas, o gol francês parecia questão de tempo. E só por 'milagre' não saiu aos 29, quando Giroud desperdiçou a chance após grande jogada entre Griezmann e Dembélè. Mbappè também teve grande chance, mas Szczesny evitou o gol.  

Comentários
×