Coluna Entre Aspas 31/03/2022

LÍNGUA PORTUGUESA 

UMA SOMATÓRIA?

     Não existe somatória, embora a palavra soma seja feminina.  Portanto, a língua só tem um somatório: O país vivia um somatório de crises. Houve um somatório de equívocos nessa investigação. Ocorre um somatório de deslizes por parte de alguns entrevistados. 

CURIOSIDADES SOBRE GESTAÇÃO DE ANIMAIS 

 

Uma cegonha passa 30 dias chocando seus ovos. Ela bota de três a cinco ovos por vez. “Esperar a cegonha” tornou-se uma expressão corriqueira para se dizer que um bebê está a caminho. A seguir, o tempo médio de gestação ou incubação de alguns animais. Na gestação, os animais crescem dentro da barriga da mãe. Na incubação, eles crescem dentro de ovos. Observe a gestação e incubação de alguns animais:



Gestação

Anta: 390 dias

Baleia: 365 a 547 dias

Burro: 365 dias

Cabra: 151 dias

Cachorro: 63 dias

Camelo: 406 dias

Cavalo: 330 dias

Chimpanzé: 237 dias

Coelho: 30 dias

Elefante indiano: 624 dias 

Esquilo: 44 dias

Gato: 63 dias

Girafa: 425 dias

Hipopótamo: 240 dias

Leão: 100 dias

Leão marinho: 350 dias

Leopardo: 98 dias

Lobo: 63 dias

Macaco: 164 dias

Porco: 112 dias

Raposa: 52 dias

Rato: 19 dias

Rinoceronte: 560 dias

Tigre: 105 dias

Urso polar: 240 dias 

Urso preto: 219 dias

Vaca: 284 dias

Veado: 201 dias

Zebra: 365 dias

 

Incubação

Albatroz: 79 dias

Avestruz: 42 dias

Cisne: 30 dias

Faisão: 22 dias

Falcão: 29 dias

Galinha: 22 dias

Ganso: 30 dias

Jacaré: 61 dias

Pato: 28 dias

Peru: 26 dias

Pinguim: 63 dias

Pombo: 18 dias

Tartaruga-do-mar: 55 dias

 

REFLEXÃO DA SEMANA

CARTA AO PAI ALCOÓLATRA

        Perdoe me, pai, é importante que leia meu desabafo. Sempre falei que quando crescesse queria ser igual ao senhor. Mas, infelizmente, eu mudei de ideia; não imaginava o sofrimento de quando anoitece e o senhor não vem para jantar, pois só chega de madrugada, e assim mesmo, embriagado. Olhe, não me importa que chute os meus brinquedos, pise-os e atire contra a parede, que bata raivosamente em mim sem motivo quando lhe pergunto: “Por que o senhor não deixa de beber?”. Pai, não me envergonha ter que usar roupas velhas, sapatos furados e nem me incomodo com o pouco alimento. Na verdade, nada disso teria importância se o senhor não bebesse. Por favor, não fique parado nos bares, perdendo seu tempo, seu dinheiro, sobretudo, sua saúde, bebendo e farreando ao lado daqueles que dizem ser seus amigos. Lembre-se de que nós precisamos do senhor. Eu queria apenas tê-lo em casa toda noite para dizer-lhe antes de deitar: “Bênção, pai”! (Parte de uma carta de um filho a um pai alcoólatra – Autor desconhecido)

REFLEXÃO BÍBLICA

“Mas buscai primeiro o reino de Deus, e a justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6:33)

RIA... POR FAVOR!

Segredos de sucesso no casamento

Minha esposa e eu temos o segredo para fazer um casamento durar:

- Duas vezes por semana, vamos a um ótimo restaurante, que tenha uma comida gostosa, uma boa bebida e um excelente ambiente. Ela vai às terças, eu vou às quintas.

- Eu levo minha esposa a todos os lugares, mas ela sempre acha o caminho de volta.

- Nós sempre andamos de mãos dadas. Se eu soltar, ela vai às compras.

- Já faz 18 meses que não falo com a minha esposa, mas tenho que admitir que nossa última briga foi culpa minha. Ela perguntou: – O que tem na TV? – Eu disse: – Poeira.

 

MÁXIMAS DO PROFESSOR CARLINHOS

  • Na aula especial sobre “tempos dos verbos”, a professora Dona Ritinha pergunta geral:

- Meninos... na frase “ISSO NÃO PODERIA TER ACONTECIDO” (Cuidado, hein... São três verbos seguidos) - Qual é o tempo verbal da oração?

Silêncio... Silêncio. E Paulinho se atreve:

- Eu sei, “fessora”.

- Então, Paulinho, diga para seus coleguinhas.

- PRESERVATIVO IMPERFEITO, fessora.

- Pra fora, senhor Paulinho - Eita cabecinha suja!

  • Muitos patrícios, altivamente, “com a boca cheia”, declinam suas vontade de cursarem ENSINO A DISTÂNCIA.

Duvideodó: eles querem, mesmo, é DISTÂNCIA DO ENSINO! 

  • No supermercado “ideial” (slogan: TUDO EM GERAL), a cliente pergunta ao balconista:

- Moço, qual o preço desses vasos? 

- Pois não, senhorita. Olha: esses aqui – os melhores – custam R$ 70,00  cada um. Esses outros – piores – custam R$ 590,00 cada um.

- O quê? - exclamou a mocinha - Mas por que os piores custam muito mais caro? Não entendi!

- Senhorita... É que vaso ruim não quebra, num sabe?

  • SABEDÊNCIA GASTRONÔMICA, FRANCISCANA E PROPHUNDA

É melhor dois comerem um pouco menos do que um deles passar fome.

Comentários
×