Coluna Entre Aspas 24/03/2022

DÚVIDAS FREQUENTES NA LÍNGUA PORTUGUESA

A (Certo) HÁ(Certo) À (Certo)

  A preposição expressa tempo futuro ou distância. 

 Há indica passado e pode ser substituído por faz. 

 Usa-se também para exprimir existência. 

A DISTÂNCIA (Certo) À DISTÂNCIA (Certo) 

O a, da expressão acima, não deve ser acentuado. 

Só ocorre crase quando o termo distância vier determinado. 

A GENTE VAI (Certo) A GENTE VAMOS (Errado)

A expressão a gente vai é a forma correta. A gente vamos é uma concordância ideológica, mas fora da nomenclatura formal da língua. Aliás, em um texto mais cuidadoso, não devemos usar nem uma nem outra: o melhor é dizer NÓS VAMOS.

CURIOSIDADES 

1 - É impossível ver suas orelhas sem um espelho

2 - Você não consegue contar seus fios de cabelo

3 - É impossível respirar com a língua para fora.

4 - Você acabou de testar a número 3.

6 - E viu que está parecendo um cachorro com a língua para fora.

7 - E agora está rindo de si mesmo.

8 – Percebeu que pulou a 5?

9 – Agora você foi conferir se faltou mesmo a 5.

Somos assim!

(Fonte: https://m.facebook.com/Paraoscuriososcom)

REFLEXÃO DA SEMANA

LIÇÃO DE BOBO

Conta-se que numa pequena cidade do interior um grupo de pessoas

se divirtia com o idiota da aldeia. Um pobre coitado de pouca

inteligência, que vivia de pequenos biscates e esmolas.

Diariamente eles chamavam o bobo ao bar onde se reuniam e 

ofereciam a ele a escolha entre duas moedas uma grande 

quatrocentos réis e a outra menos, de dois mil réis. Ele sempre 

escolhia a maior e menos valiosa, o que era motivo de risos para todos.

Certo dia um dos membros do grupo chamou-o e lhe perguntou se

ainda não havia percebido que a moeda maior valia menos: “Eu sei”, respondeu o não tão tolo assim, “ela vale cinco vezes menos, mas no

dia em que escolheu a outra, a brincadeira acaba e não vou

ganhar mais minha moeda”.

Pode-se tirar várias conclusões dessa narrativa:

a primeira: quem parece idiota nem sempre é.

Dito em forma de pergunta: quais eram os verdadeiros tolos da história?

Outra: se você for ganancioso, acaba estragando sua fonte de renda.

Mas a conclusão mais interessante é a percepção de que podemos 

estar bem mesmo quando os outros não têm uma boa opinião a nosso respeito.

Portanto, o que eu importo não é o que pensam de nós, mas o que realmente somos. (A.D.)

 

REFLEXÃO BÍBLICA

“Porque o SENHOR repreende aquele a quem ama, assim como o pai, ao filho a quem quer bem.” (Provérbios 3:12)

 

RIA... POR FAVOR!

Na bilheteria do cinema:

- Me vê dois ingressos, por favor.

- É para Romeu e Julieta?

- Não, é para mim e para minha namorada.

 

MÁXIMAS DO PROFESSOR CARLINHOS

  • - Nesse verão, a fruta recomendada é a melancia, tem em larga dosagem três vitaminas: A. B e C.

              - Como assim? - perguntou alguém.

              - Água, bagaço e caroço.

  • VÊ SE PODE

 

Empregado:

 - Patrão, orgulhosamente devo confessar pro senhor que nesta data estou comemorando quarenta e cinco anos de trabalho nesta empresa e, o mais importante, só cometi um erro. Certo dia, atrasei 5 minutos na entrada.

Patrão: 

- Está bem, meu filho. Muito bem mesmo. Mas vê se de agora em diante toma mais cuidado, tá?

  • Senhor Ernesto e quatro “amiguinhas” entram numa pizzaria e, após se acomodarem ao redor de uma grande mesa, veem aproximar-se o garçom todo atencioso:

- Uma boa noite a todos. Sejam bem-vindos à nossa casa. O que vão comer, o senhor e as meninas?

- Uma pizza bem caprichada pra nós - responde o senhor Ernesto.

- Família? (Referindo-se ao tamanho da iguaria).

- Não! É tudo biscate mesmo - esclareceu Ernesto.

Coment√°rios
×