Cesta básica aumentou 7,2% no primeiro semestre

Preço dos hortifrútis contribuiu na elevação dos índices; levantamento é do Nepes/UNA

Da Redação

De acordo com análise realizada pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômico Sociais (Nepes) da Faculdade Una Divinópolis, no fechamento do primeiro semestre de 2022, isto é, de janeiro a junho, o custo da cesta básica de alimentos na cidade apresentou uma variação positiva de 7,2%. Em janeiro de 2022 a cesta básica custava em média R$ 535,95, em junho o valor médio ficou em R$ 574,54.

De acordo com o coordenador do Nepes/Una e professor da Faculdade Una, Wagner Almeida, nos 4 primeiros meses de 2022 o custo da cesta básica de alimentos apresentou altas sucessivas, provocadas principalmente pela elevação no preço dos hortifrútis, causado pelo excesso de chuvas do início do ano.

— Outros impactos foram decorrentes do conflito entre Rússia e Ucrânia que impactaram no preço das commodities. A partir de maio houve uma redução no custo da cesta, motivado também pela queda no preço dos hortifrútis, em decorrência da intensificação da colheita da safra de inverno — explica Wagner.

O professor ressalta, que, no entanto, apesar da queda no preço das hortaliças, o leite nos 3 últimos meses vem em tendência de forte alta.

— Em Divinópolis, no mês de janeiro de 2022 o leite era comercializado em média por R$ 3,55 o litro. Em junho o valor médio foi de R$ 6,37. O que representa uma alta de 79,4% no litro — destaca.

Para conhecer mais sobre as pesquisas realizadas pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômico Sociais (Nepes) da Faculdade Una Divinópolis e conferir o detalhamento mensal dos preços da cesta básica, acesse https://www.una.br/nepesdivinopolis/

Comentários
×