Advogado suspeito de ameaçar a ex é preso em Pará de Minas

Homem é investigado por injúria contra a companheira

Da Redação

A Polícia Civil prendeu na manhã de ontem um advogado, de 69 anos, pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, em Pará de Minas, região Centro-Oeste do estado. O homem é investigado por injúria e ameaça contra a ex-companheira.

— As investigações tiveram início após a instauração de um inquérito policial para apurar as denúncias de violência doméstica. No decorrer dos levantamentos, os policiais civis descobriram que o investigado mantinha armas em casa. Um mandado de busca e apreensão foi então solicitado à Justiça pela delegada que investiga o caso, sendo a medida cumprida hoje — afirmou.

 Além das duas armas de fogo, uma delas com a numeração raspada, foram localizadas na casa do suspeito quatro munições intactas calibre 22. O homem confirmou a propriedade do material e foi encaminhado à Delegacia de Polícia na presença de um representante da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MG). Após a autuação em flagrante, o investigado foi levado para o sistema prisional.

Comentários
×