Zuai, uai!

Em votação tensa, os vereadores aprovaram um projeto de lei que, na prática, permite a volta das atividades da boate Zuai no bairro Bom Pastor. Placar: 10 a favor e 3 contra. O plenário ficou dividido entre vizinhos que reclamam do barulho e apoiadores da volta do empreendimento. Não faltaram bate-bocas, muitas vaias e aplausos.

Bastidores movimentados 

Na véspera da votação, servidores da Câmara contam que o movimento em alguns gabinetes de vereadores foi bem intenso.

União do Vegetal 

Também ontem, a Câmara aprovou a criação do Dia Municipal da União do Vegetal (UDV). Autoria: vereador Edson Sousa (MDB).

Vidro proibido 

Foi aprovado ainda projeto que proíbe a comercialização ou fornecimento de bebidas, alcoólicas ou não, em garrafas, ou copos de vidro ou similares, em eventos públicos ou abertos ao público em Divinópolis. O projeto, de Janete Aparecida (PSD), segue para sanção ou veto do prefeito Galileu Machado (MDB).

Óleo vegetal 

Vereadores aprovaram ainda projeto de lei para que estabelecimentos que utilizem e/ou comercializem óleos comestíveis e gorduras em geral sejam obrigados a afixarem cartaz na entrada ou no local de exposição para a venda do produto. O aviso deverá conter informações das consequências do descarte inadequado, maneira correta de descarte, menção da lei municipal 8.356/2017 e telefones dos locais de coleta no município. Autor: vereador Sargento Elton (PEN). 

Buracos e mais buracos 

A Prefeitura de Divinópolis garante ter atendido mais de 90 bairros com a operação tapa-buracos nos primeiros cinco meses de 2018. Diz ter gastado 1,8 mil tonelada de asfalto.

Lula e o Supremo 

Está marcado: o Supremo Tribunal Federal (STF) julga no dia 26, próxima terça-feira, o pedido de liberdade do ex-presidente Lula. Advogados do petista querem a suspensão da condenação no caso do tripléx no Guarujá. Se conseguir, ele não só estará solto como também poderá se candidatar. 

Chilique 

Quando Ciro Gomes (PDT) começa a parecer uma opção viável para unir a centro-esquerda, o presidenciável dá um chilique como ontem no Congresso da Associação Mineira de Municípios (AMM). Contrariado com perguntas de prefeitos e com o formato do debate, abandonou o palco e saiu vaiado. 

Vem aí mais um 

Senadores aprovaram ontem o projeto de lei de conversão da Medida Provisória 821/2018, que cria o Ministério da Segurança Pública. Segundo a Agência Brasil, a nova pasta absorve algumas atribuições antes vinculadas ao Ministério da Justiça. Agora, o texto vai à sanção presidencial. 

Fim dos privilégios 

Dentro da proposta de mudança, o partido Novo discute dificuldades enfrentadas pelos brasileiros Com este propósito, traz hoje a Divinópolis a palestra “Liberalismo e a Greve dos Caminhoneiros”. O objetivo é trabalhar com a ideia de dar fim aos privilégios excessivos dos políticos, equilibrar os gastos e valorizar a iniciativa privada. 

União de forças 

A legenda entende que a greve foi uma amostra tanto da insatisfação do povo brasileiro quanto do poder que uma classe tem ao unir forças. Seria reflexo ainda, na avaliação do partido, do excesso de interferência do Estado na economia, o que tem gerado os altos impostos e, consequentemente, o alto preço de produtos, como a gasolina. 

Anote aí! 

A palestra será ministrada por Flávio Fonseca e Luiz Ângelo. O encontro tem início previsto para as 19h, na Rua Minas Gerais, 900, no Centro de Divinópolis.

Colaborou Gisele Souto

Comentários
×