Zema poderá flexibilizar decreto do fechamento do comércio; SES recomendou isolamento até 13 de abril

Da Redação

Em entrevista à Rádio Itatiaia na manhã desta segunda-feira, 6, o governador de Minas, Romeu Zema, disse que estuda afrouxar as medidas restritivas de comércio no estado. Romeu Zema não informou um data para o começo da flexibilização das medidas, mas citou e elogiou alguns municípios do estado que por não registrarem nenhum caso da doença, já estão reabrindo o comércio.

No entanto, a flexibilização das medidas emergenciais provavelmente na deve acontecer antes de 13 de abril, uma vez que esta data é o prazo colocado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) para vigência do isolamento.

O decreto de calamidae pública publicado em 20 de março, determinou o fechamento de parte do comércio em cidades do estado, como medida para evitar circulação e aglomeração de pessoas. A medida também determinou a suspensão indeterminada de aulas nas escolas municipais, estaduais e particulares. Romeu Zema citou que na última semana foi possível constatar que os casos de coronavírus no estado continuam subindo, mas em velocidade menor, o que segundo ele, se trata de um bom sinal.

O boletim da SES de ontem, 5, confirmou que no estado, oito pessoas já morreram em decorrência do covid-19, e que 498 pessoas já testaram positivio para a doença.

Comentários
×