Pesquisas interessantes

Por várias vezes, foram faladas aqui neste PB algumas coisas interessantes sobre pesquisas, sejam eleitorais ou não. O resultado sempre confere quando o instituto é sério. O difícil nos dias de hoje está sendo encontrar um que se pode confiar. O Datafolha sempre foi confiável, como também o Ibope e outros menos votados. Só que, de algumas eleições para cá, os dois têm errado feio, como aconteceu agora no Tocantins, onde a candidata que estava em primeiro lugar acabou sendo a penúltima.

Claro que houve explicação

Quando o erro é tão grosseiro, inventa-se, por exemplo, que “bastou Gleisi Hoffmann colocar um vídeo na internet com o Lula e ela pedindo votos, para que a candidata despencasse”. Quem não gosta do ex-presidente ficou eufórico, porém os institutos de pesquisas ficaram desmoralizados mais uma vez. Aqui em Minas, em todas as pesquisas Aécio vencia Dilma. No dia das eleições, a vitória veio para a petista, o que acabou com a eleição do senador. Desta vez, não foram as pesquisas que estavam erradas e, sim, as urnas que foram fraudadas. Então tá!

Agora, Bolsonaro...

...vem liderando em todas as pesquisas, desde que realmente elas começaram no ano passado. Não é que a Folha divulgou que ele só não ganha no primeiro turno de Lula, mas perde para todo mundo no segundo. Esse pessoal está meio esquisito para avaliar, pois, em uma enquete na internet ontem, dava 75% para Bolsonaro, enquanto Ciro, Marina e os outros concorrentes ficavam com menos de 5%. Verdade, mentira? Só sabe Deus!!!

O certo é que...

...o país parece cansado de ser dirigido por um mesmo time de incompetentes. Desde Fernando Henrique, o país vem definhando. Reconheça-se que houve melhoras em alguns campos sociais, que era o grande objetivo dos chamados “esquerdopatas”, até que este remédio social nos colocasse par e passo com a Venezuela, Cuba e assemelhados. A verdade é tão cristalina que os governos petistas jamais ajudaram países que não fossem comunistas ou que não tivessem ditadores. Mesmo que estes últimos venham travestidos de democratas, como Evo Morales da Bolívia.

Segundo comentários...

...todos os candidatos são defeituosos: Marina Silva, uma taquara rachada, que somente aparece de quatro em quatro anos para ajudar alguém do PT a ser eleito. Neste ano, como não tem um candidato forte para apoiar, Marina está viúva em voo solo, e o pior, sem o apoio do partido do ex-presidente de quem foi ministra. Alckmin tem no seu estado o apelido de chuchu, pois não tem gosto, falta sal, sem graça, ou seja, é insosso. Meirelles faria um governo para os banqueiros. Ciro é destemperado, um cara meio fora de órbita ou com o ponto fora da curva. Boulos e nada é a mesma coisa. Sobrou Bolsonaro, que, por estar na política como deputado há mais de 27 anos, “além de ser honesto, nunca enfrentou qualquer denúncia de corrupção, é despreparado, não sabe o que acontece no país, não entende de economia etc”. Parece mesmo desespero de quem já tem certeza de que, com estes candidatos citados, não tem nenhum competidor para quem está sendo chamado de mito.

Voltando às pesquisas...

...melhor esperar um pouco mais para uma avaliação. O que não se sabe é o porquê de a Globo ainda não ter divulgado nenhuma, como normalmente faz. Parece que os seus diretores esperam para um momento em que o candidato que está na frente em todas as pesquisas possa cair alguns pontos, para ter certeza de que pode se aventurar. Mas isto, somente quem viver verá!

Comentários
×