Mistura de ritmos e gerações marca a terceira noite da 48ª Divinaexpo

Pollyanna Martins

E os shows de comemoração dos 106 anos de Divinópolis na Divinaexpo foram marcados por uma mistura de ritmos e gerações. Quem abriu a terceira noite do maior rodeio de Minas Gerais, na sexta-feira, 1º, foi a dupla sertaneja Matogrosso & Mathias. Com uma mistura de sertanejo raiz e sertanejo romântico, a dupla cantou os seus grandes sucessos: “De Igual pra igual”, “Tentei te esquecer”, “Boate Azul” e outros hits. Durante a apresentação, Matogrosso e Mathias receberam no palco a dupla divinopolitana Chanceller e Montenegro. Os quatro cantaram a canção “Mentira”, uma parceria entre eles e que faz parte do CD “Chanceller & Montenegro – Volume 11”.

Os cantores deixaram o palco às 2h e passaram a vez para Henrique & Juliano. Pela segunda vez seguida na Divinaexpo, a dupla sertaneja de Palmas é sinônimo de casa cheia. Henrique e Juliano subiram ao palco e emendaram logo de cara as músicas “Não passa vontade”, “Meu amor” e “Vidinha de balada”. Durante o show, Juliano disse que a dupla gosta de cantar músicas de outros artistas que eles costumam ouvir em casa quando estão descansando e cantaram na sequência “Eu sei de cor”, de Marília Mendonça, “Ar Condicionado no 15”, de Wesley Safadão, e “Largado às Traças”, de Zé Neto & Cristiano.

E o sertanejo deu lugar ao eletrônico com a DJ Samhara, que finalizou a terceira noite da festa. Mineira de Uberaba, ela foi a primeira mulher brasileira a tocar no palco do Tomorrowland Brasil, principal festival de música eletrônica do país. Estreante no Maior Rodeio de Minas, Samhara vem conquistando o público com seus sets exclusivos e inovadores.

Montarias 

A noite foi de disputas acirradas nas competições na arena. A prova de montaria em touros terminou com dois competidores empatados: Júnior Cezar Quaresma e Eudimar Oliveira Novais atingiram 89,25 pontos. Em terceiro lugar na noite, ficou Francis Gustavo Dezembro (88,75); em quarto, Márcio Roberto dos Santos (88,00); e fechando o Top Five, Edmilson Gonçalves, com 87,75 pontos.

A disputa de montaria em cavalo estilo cutiano também foi bastante concorrida, com direito a troca de posições no ranking, o que promete levar ainda mais emoção para as provas deste sábado. Os cinco melhores competidores da noite foram Enis Campos Sales, com 85,50 pontos; Aldrim Ap. Silvestre (83,75); Alexsandro Rola Carrasco (83,25); José Leal Silva Neto (82,75); e Plínio César Ferreira (80,25).

A sexta-feira foi também de estreia na arena com a realização das primeiras provas cronometradas desta edição da Divinaexpo.  No Bulldogging, Fernando Pierini foi o melhor da noite, com 4,60 segundos, seguido de Wagner Santos (5,22) e Ricardo Martins (5,97). No Laço Individual, o competidor com melhor classificação foi João Otávio Pereira, com 11,14 segundos; em segundo lugar, ficou Ademir Daniel Oliveira (11,29); e em terceiro, Marcos Paulo (11,41). Na prova de Três Tambores, categoria mirim, as três primeiras colocadas foram, na ordem: Ellen Sayuri Oliveira (16,593 segundos), Eduarda Ferreira Peres (17,331) e Giovanna Zerlotini (17,837). Por fim, a classificação da prova de Três Tambores, categoria profissional: Fatiana Guarcia Pignaneli (16,332 segundos), Rafaela Fortunato (16,379) e Viviane Gratão (16,548).

O Agora continua na cobertura da 48ª Divinaexpo, que traz neste sábado, 2, Simone, da dupla Simone & Simaria e DJ Alok.

 

Comentários
×