Encontro discutirá projetos para recuperar sobrado do Largo da Matriz

Jorge Guimarães

A Secretaria Municipal de Cultura (Semc) e o Centro de Memória Professora Batistina Corgozinho/Uemg promovem, na próxima quarta-feira, às 18h, na Câmara Municipal, um encontro para debater projetos de recuperação do sobrado do Largo da Matriz, na praça da Catedral, onde abrigou o Museu Histórico de Divinópolis. Nos primeiros meses de 2017, a atual gestão constatou abalo na estrutura, a Defesa Civil vistoriou o prédio e interditou o imóvel histórico em março do ano passado, segundo a Prefeitura.

Alternativas

O encontro será uma oportunidade para debater as alternativas de recuperação do espaço.

— A reunião discutirá alternativas a fim de que se elaborem os projetos de restauro e demais projetos complementares relativos ao sobrado do Largo da Matriz — avaliou o secretário municipal de Cultura, Osvaldo André de Mello.

Captação de recursos

Na opinião do secretário, a elaboração dos projetos é imprescindível para captação de recursos financeiros e revitalização do prédio por meio de leis de incentivo cultural.

— As limitações orçamentárias do município não permitem uma solução financiada somente com recursos públicos e demandam o envolvimento de toda a comunidade — analisou o secretário.

Interdição

A decisão de interditar o sobrado foi tomada depois de uma análise detalhada por parte de engenheiros e técnicos da Defesa Civil. Eles apontaram problemas na estrutura.

A análise constatou que parte da madeira de sustentação da área detrás do prédio estava comprometida, e a parede apresenta trincas e ondulação.

Comentários
×