Encontro de Jovens: Igreja encontrou o caminho

Bob Clementino 

Por meio do movimento “Encontro de Jovens com Cristo”, a Igreja Católica achou uma linguagem para encantar e emocionar a juventude. Os encontros são criativos e surpreendentes, com esquetes teatrais que levam os jovens a uma intensa reflexão pessoal e espiritual com Deus, prática fundamental em uma sociedade moderna, repleta de violência e segregação. Diferente dos jovens do século passado, os novos, conhecidos como geração Z (nascidos depois dos anos 2000), possuem comportamentos e preocupações distintas das demais.

Público alvo

Um estudo realizado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) aponta esta curiosidade: 26,9% dos jovens de 15 a 29 anos têm como maior preocupação a forma de vestir e a sua aparência. Já com a insegurança pessoal, social e falta de perspectivas, são 17,7%.

E o incrível nesta comunicação da Igreja Católica com a juventude é que ela se dá em disputa com outras formas irresistíveis de comunicação para a nova geração: redes sociais internet, cinemas, rádio e TVs e infinitas mídias digitais e... Tem vencido.

Parabéns ao Cartório Mota

Em uma cidade em que o atendimento ao consumidor no comércio é muito criticado, encontramos um oásis de bom atendimento: Cartório Mota!

Explico: fui ao cartório para reconhecer minha firma e registrar um contrato de aluguel. Seguindo a péssima tradição brasileira, corríamos contra o tempo. Minha carteira de identidade tinha uma mancha em uma parte do rosto e não podia ser autenticada e o contrato estava com uma data errada. O que fazer? Gentilmente, a funcionária tentou, em vão, encontrar uma solução lícita para atender ao meu objetivo. Faltava uma hora para o cartório fechar. Eis que ela me orientou como resolver o problema, nesta época dominada pela internet, e tudo foi resolvido. Com singeleza, não me custa cumprimentá-la publicamente, ainda que sem lhe citar o nome, pela excepcional amabilidade no atendimento e simpatia e, por extensão, ao Cartório Mota.

Eleitor crítica e quer soluções

O histórico das últimas eleições para prefeitos em Divinópolis mostra que eleitores gostam de criticar políticos, mas deles querem ouvir soluções para suas demandas urbanas, sociais e pessoais. Claro que não há como um candidato a prefeito ganhar uma eleição sem explorar os erros e contradições dos demais candidatos, porque é se colocando como alternativa que tem chance de ser eleito. Mas no encontro da medida certa entre a crítica e a proposta é que está o segredo da vitória. Achar o ponto de equilíbrio é importante até quando se está fazendo o melado: fora do ponto, ocorre a cristalização da sacarose e o melado se transforma em rapadura, que é gostosa, mas não é melado.

Divinópolis: Eleições 2020

Os maiores adversários dos candidatos a prefeito serão os votos nulos, brancos e abstenções. Em eleições anteriores, estes chegaram a 29,02 % do eleitorado divinopolitano.

A culpa é nossa!

Segundo o historiador da Unicamp Leandro Karnal, "Brasília não é um mundo paralelo colonizado por extraterrestres, é um espelho de nossa sociedade".

Folha de pagamento da Prefeitura: R$ 20.052.083,03

O prefeito de Divinópolis, Galileu Machado (MDB), confirmou, na última terça-feira, 3, o pagamento integral de servidores da folha de março. Com esforço da Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz) e demais setores responsáveis, os salários serão pagos hoje. O valor total da folha de março é de R$ 20.952.083,03 milhões. O comércio agradece...

Coranavírus: é seguro comprar produtos importados da China?

Sites de compras internacionais, bastante populares em vários lugares do mundo, principalmente no Brasil, enfrentam a desconfiança de que produtos encomendados da China possam conter o vírus. Para responder essa questão, a Direção-Geral da Saúde (DGS), autoridade de saúde do governo de Portugal, comentou sobre o assunto. De acordo com a DGS, o coronavírus não sobrevive por longos períodos em objetos. Segundo estudos recentes, o vírus consegue sobreviver por até cinco dias em materiais como madeira, papel e plástico. O tempo de vida dependerá do tipo de material em que o coronavírus estiver alojado. De qualquer forma, devido ao grande tempo para que as encomendas cheguem por aqui, estaremos livres de contrair a doença por meio de compras nos sites de importação, inclusive aqueles vindos da China.

Comentários
×