Divinópolis conta com 700 confecções em pleno vapor

 

Jorge Guimarães

Divinópolis é conhecida nacionalmente como ‘capital da moda’ em todo país. Além abastecer diversas cidades de Minas Gerais, não foram poucas as vezes que vestiu pessoas famosas em novelas e desfiles. E para que continue sendo referência, atualizar-se e conhecer as novas tendências da moda é de fundamental para se manter no mercado.  Neste sentindo,  Divinópolis recebe, na próxima quarta-feira, 15, um dos eventos mais importantes da moda e do mercado de moda brasileiro. Serão mais de 700 novos materiais inovadores disponíveis para os empreendimentos interessados em se atualizar e ter mais assertividade em suas coleções, com orientações especializadas por consultorias individuais. Por participar de eventos como este é que a cada dia, o setor vem se superando. Uma prova disso é que existem na cidade atualmente, cerca de 700 empresas em pleno funcionamento, gerando emprego para aproximadamente 20 mil pessoas, segundo o Sindicato das Costureiras de Divinópolis (Soac).

Projeto

Para uma espécie de mutirão de atualização, o projeto Materioteca Original by Brasil estará na cidade e realizará consultorias exclusivas e individuais para as empresas interessadas em conhecer os novos produtos para suas coleções. Os materiais são alinhados com pesquisas de referências mundiais, e as consultorias já beneficiaram marcas como Grendene, Arezzo, Adidas, Vans e Penalty. A ação já beneficiou 280 empresas nos últimos seis meses e estará disponível para qualquer empresa participar. As inscrições são gratuitas e oferecem a consultoria individual com a designer Fernanda Rodrigues, que apresentará matérias primas para a construção de produtos finais relacionados à moda. São tecidos, couros, enfeites, saltos, solados, palmilhas e tantos outros, elaborados a partir das referências apresentadas no último Inspiramais - Salão de Design e Inovação.  

O presidente do Sindicato das Indústrias de Vestuário de Divinópolis (Sinvesd), Marcelo Ribeiro, explica que  Materioteca traz amostras de matéria prima de fornecedores de todo o país. O material já está dentro das tendências antecipadas. Segundo ele, o atendimento acontece com a estilista da Assintecal, ela presta consultoria e explica a pirâmide de 10-30-60% para o empresário desenvolver seus produtos.

— A empresa escolhe os materiais que mais gostou e a Assintecal passa para os fornecedores os dados da empresa para oferecer o produto. Desde fevereiro último, temos tido atendimentos uma vez por mês. Até agora, atendemos 24 empresas dos setores feminino, plus size, masculino, aviamentos, acessórios, e comunicação — afirma o presidente.

Inscrições

As empresas que quiserem participar podem agendar horários nos telefones (37)3222-3854 e (37)98803-6084,  ou por e-mail: administrativo@sinvesd.com.br.

O projeto, realizado pelo Sebrae e Assintecal, acontece na sede do Sinvesd, das 8 às 17h, na rua Rio de Janeiro, 540, Centro. 

Comentários
×