Definido Conselho da Mulher Empreendedora

 

 Da Redação 

Após um período sem atividades, o Conselho da Mulher Empreendedora de Divinópolis volta às atividades sob a presidência de Sandra Amaral. A posse da diretoria ocorrerá na próxima quinta-feira, dia 19, às 19h30, no auditório do Verona Tower Hotel. O conselho constitui um dos órgãos consultivos da Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e Serviços de Divinópolis (Acid).

Mais atuante nas questões sociais como a pedofilia e a adoção, o conselho chega com proposta de um empreendedorismo social. A ideia é que, por meio de atuações coordenadas, as ações sociais fomentem as necessidades do empreendedorismo e, assim, as duas vertentes possam crescer juntas e consistentes.

No planejamento estratégico do conselho, levantar o mercado de empreendedoras é o primeiro passo para as ações futuras. Estão previstas ainda ações sociais de capacitação profissional que visam preparar as pessoas de baixa renda para o mercado de trabalho. Com isso, espera-se suprir a grande demanda de mercado que é a mão de obra qualificada.

 

Experiências

As diretoras que tomarão posse possuem vasta experiência como empresárias empreendedoras e em ações voluntárias de cunho social. A presidente a tomar posse, Sandra Amaral, acredita que o projeto do Conselho terá repercussão que extrapola a atuação local.

— Contamos com todas as mulheres empreendedoras da região, para que, juntas, possamos firmar o papel da mulher no empreendedorismo regional e, consequentemente, no nosso país — conclama Sandra Amaral.

Conselho 

O Conselho da Mulher Empreendedora é formado pela presidente Sandra Amaral e pelas diretoras Denize Fonseca Santos Lara, Danielly Ribeiro Souza Gomes, Fátima Campos da Cunha Gonçalves, Iraíde Aparecida de Araújo e Márcia Telles de Menezes; para assuntos sociais, Ana Paula Milagre e Maria Gorete Batista dos Santos. O conselho tem como conselheira de estratégia Leila Rodrigues.

— Nós, do Conselho da Mulher Empreendedora de Divinópolis, acreditamos no potencial feminino e na força que nós empresárias, juntas, temos para mudar nosso ecossistema, nossas estatísticas e consequentemente a qualidade de vida dos mais necessitados — afirma a conselheira Leila Rodrigues.

Câmara 

A Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Minas Gerais (Federaminas), à qual a Acid é filiada, estimula a participação do segmento feminino no âmbito das associações comerciais com a criação do Conselho da Mulher Empreendedora. A proposta é destacar o papel das mulheres no movimento empresarial.

O conselho congrega empreendedoras com atuação em diversos setores da sociedade, notadamente no empresarial, gerenciando empresas de destaque em suas comunidades.

 

Comentários
×