13º deve aquecer as  vendas de fim de ano

 

Jorge Guimarães

A Prefeitura de Divinópolis espera pagar no dia 20 de dezembro, em parcela única, o 13º salário dos servidores,  segundo informação apurada pelo Agora.

O governo também injetou na última terça – feira, na economia local, mais de R$ 9,5 milhões com o pagamento dos salários até R$ 3 mil referentes a outubro, conforme o salário de cada um. Foram quitados os vencimentos mensais de 3,9 mil servidores, que receberam integralmente, incluindo servidores da Educação vinculados ao Fundo da Educação Básica (Fundeb), o que totaliza 83,55% da folha de pagamento.

— Outros 768 servidores ficarão com restos a receber em segunda parcela, que deverá ser quitada imediatamente após o repasse total do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) — informou a Prefeitura, em nota.

A folha de pagamento total da Prefeitura de Divinópolis representa a injeção de aproximadamente R$ 14 milhões na economia local. Somando – se a ela o 13º salário a prefeitura deve injetar no comercio local cerca de R$ 30 milhões no próximo mês.  

Extra

A liberação da parcela do 13º salário de servidores municipais e estaduais nas vésperas do Natal pode dar aquela aquecida de vez no comércio no período.

A presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Divinópolis, Alexandra Elisa Galvão Barros, relata boa expectativa da entidade e dos comerciantes para as vendas de fim de ano.  

— As previsões são boas com o comércio fazendo sua parte em termos de qualificação profissional de seu colaborador, investindo em vitrines e em muitos outros itens para melhor atender ao cliente. Outro fator de nos animas é a recuperação da economia, mesmo que pequena.

De acordo com a presidente, ainda há outro fator que agrega. Ela se refere à pesquisa que a CDL realizou constatando que haverá um aumento nas vendas entre 10 e 12% em relação a mesmo período do ano passado. — Outra questão é que muitas pessoas utilizaram o FGTS para quitar dívidas e o 13º vem para ser empregado de forma diferente, mesmo que há ainda muita gente pensando em pagar alguma conta atrasada — completou a presidente.

Setores

No comércio, a avaliação depende do segmento de cada profissional.

— Vamos começar com nossa Black Friday na próxima semana e nossas expectativas são as melhores possíveis.  Já estamos com tudo — avalia Marcelo Naves, gerente de uma loja de material esportivo.

Também no setor de prestação de serviços, os números devem ser bons. Lanchonetes e restaurantes apostam em  movimento acima do normal, pelo menos nas duas semanas que  antecedem o Natal.

— Os encontros de amigos para o tradicional Amigo Oculto e confraternizações de empresas serão mais vez o carro-chefe para o aumento das vendas. E de olho neste movimento, já estamos preparando promoções. O empresário tem de se reinventar a cada dia, não pode ficar parado à espera do cliente — argumentou Vinícius, empresário do ramo de restaurante.

Brasil

Até dezembro de 2017 estima-se que deverão ser injetados na economia brasileira mais de R$ 200 bilhões, com o pagamento do 13º salário. Este montante representa aproximadamente 3,2% do Produto Interno Bruto (PIB) do país e será pago aos trabalhadores do mercado formal, inclusive os empregados domésticos; aos beneficiários da Previdência Social e aposentados e beneficiários de pensão da União e dos estados e municípios. Cerca de 83,3 milhões de brasileiros serão beneficiados com um rendimento adicional, em média, de R$ 2.251. As estimativas são do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

 

 

Comentários
×